Em defesa da mulher. Sempre!

Renata Abreu conhece bem as dificuldades enfrentadas pelas mulheres, que são maioria na população nacional (52%). Ela trabalha muito para garantir e efetivar os direitos das brasileiras. São várias lutas pela frente, como tornar crime, com pena de prisão, a importunação sexual em locais públicos, deixando de ser mera contravenção episódios como ocorridos nos últimos tempos de mulheres serem molestadas em transportes públicos (aguardando sanção presidencial para ser inserido no Código Penal).

Também conseguiu que profissionais de Saúde registrem nos prontuários médicos casos de violência contra a mulher, para fins de estatística, prevenção e apuração da infração penal (aprovado na Câmara e aguardando aprovação no Senado)

Renata também luta pela ampliação da licença maternidade em casos de recém-nascidos que precisam de atendimento especial de saúde, além do direito de faltar ao trabalho das avós no nascimento de netos sob sua dependência econômica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *